Boas Práticas para Investir em Criptomoedas

A cada dia está mais complicado investir em criptomoedas em virtude dos diversos “sites de investimento” que surgem todos os dias.

O número de golpes que aparecem estão ficando mais constantes e profissionais, além do que atrapalham quem realmente deseja fazer um trabalho sério.

Pensando nisso eu resolvi indicar 15 dicas que eu considero importante analisar, principalmente se você está iniciando no mercado de criptomoedas.

Dicas para investir em criptomoedas

Dica 1 – Primeiro entenda como funciona o mercado

Entenda como funciona o mercado
Entenda como funciona o mercado

Esta dica vale para qualquer situação, principalmente quando o assunto é dinheiro e criptomoedas.

Desde quando surgiu o Bitcoin um leque de oportunidades apareceu, mas com isso também surgiram muitos oportunistas.

O começo é entender como funciona o mercado, partindo de princípios simples.

– O que é bitcoin
– O que são criptomoedas
– Como são criadas as criptomoedas
– O que é Trader de bitcoin e altcoins
– O que é arbitragem de bitcoin
– Qual o impacto das criptomoedas no mercado financeiro mundial

Dica 2 – Tenha calma

Esta talvez seja a melhor de todas as dicas, principalmente porque quando surge uma oportunidade para ganhar dinheiro, geralmente, as pessoas entram sem saber exatamente do que se trata.

Não vá entrando em algum negócio que envolva criptomoedas somente porque o filho da vizinha está ganhando dinheiro.

Primeiro verifique do que se trata e tire todas as suas dúvidas, garanto a você que a maioria das pessoas não possuem o conhecimento necessário e fazem investimentos por impulso.

Isso não começou agora e um exemplo são as inúmeras histórias de investidores que já perderam fortunas na Bolsa de Valores.

Dica 3 – Diversifique os investimentos

As oportunidades no mercado financeiro são diversas e isso não muda quando o assunto são as criptomoedas.

É costumeiro verificar investidores iniciantes que depositam todo o capital em um único investimento e muitas vezes este capital pode partir de anos de trabalho.

Jamais deixe seu dinheiro aplicado em um único lugar e sempre reinvista parte dos rendimentos.

Este é o primeiro passo para ter investimentos sustentáveis.

Dica 4 – Investir em criptomoedas comprando e guardando

Comprando e guardando

Se você não possui experiência no mercado não aventure-se em locais que não conhece.

Apenas compre e guarde, mas não falo aqui somente de Bitcoin, existem diversas moedas como Dash, Monero, Ripple, Bitcoin Cash e outras.

Não espere o preço de uma moeda subir para comprar, aproveite as oportunidades quando uma moeda estiver valendo R$ 0,01, depois de um curto espaço de tempo ela pode estar valendo R$ 1.000,00.

Dica 5 – Investir em criptomoedas fazendo Trader

O ano de 2017 foi marcado pelos forks do bitcoin que assustaram a comunidade, mas também apareceram muitas pessoas interessadas em aprender sobre Trader (compra e venda de moedas).

Um dos motivos são as diversas oportunidades que este mercado oferece e a possibilidade de trabalhar em casa.

A crise que o Brasil passa fez com que muitos olhassem com mais carinho para o trabalho voltado ao empreendedorismo no mercado financeiro.

Dica 6 – Investir em criptomoedas minerando em casa

Deixo claro aqui que já faz tempo que não é possível minerar bitcoin em casa , hoje é necessário ter um hardware com capacidade alta para isso.

O que é possível é minerar criptomoedas através de sites que utilizam o formato “script” aonde basicamente você empresta a sua CPU para colaborar com a mineração.

Aos poucos você pode juntar uma boa quantidade de moedas, além do que conta com a valorização das mesmas conforme vai minerando.

Dica 7 – Investir em criptomoedas minerando na nuvem

Cloud Mining

Outra oportunidade é minerar bitcoin e outras moedas na nuvem (cloud mining).

Existem sites já famosos como a EOBOT, Genesis e Hashflare, mas sempre acompanhe as notícias e possíveis atualizações destes sites, além de verificar a real existência de máquinas de mineração.

Dica 8 – Investir em criptomoedas em sites de investimento

Este talvez seja o terreno mais perigoso que surgiu quando se fala em criptomoedas.

As fraudes existem muito antes de existir o Bitcoin, mas o avanço das criptomoedas criou um terreno fértil para os aproveitadores.

Eu mesmo já passei por situações complicadas e perdi dinheiro através de sites deste tipo.

O maior problema está em sites que se dizem como voltados ao Marketing Multinível, estes são o que mais acabam depois de arrecadar volumosas quantidade de dinheiro.

No post Bitcoin e Marketing Multinível Um Casamento Perigoso eu mostro como você pode identificar um negócio real de marketing multinível.

Dica 9 – Investir em criptomoedas a partir de faucets

Este é um assunto um tanto controverso porque faucets (torneiras) não são investimentos, porém eu resolvi deixar esta dica aqui porque é possível juntar moedas partindo dos faucets e aos poucos aplicar ou guardá-las.

Da mesma maneira que os sites de investimentos já apareceram muitas faucets que tornaram-se fraudes, principalmente porque algumas delas depois de um tempo exigem um depósito para poder ganhar.

Aqui eu indico 2 faucets que estão ativas mais ou menos desde 2014.

Freebitcoin e Freedogecoin.

Dica 10 – Investir em criptomoedas fazendo arbitragem de bitcoins

Arbitragem de bitcoin
Arbitragem de bitcoin

A arbitragem de bitcoin é o processo de compra e venda de bitcoin entre corretoras.

Por exemplo, você compra bitcoin no Mercado Bitcoin por um preço e vende por um preço maior na Foxbit.

Dica 11 – Não existem somente as criptomoedas

O assunto criptomoedas está em alta, porém é interessante você perceber que o mercado de investimentos sempre esteve em alta.

Pesquise e estude sobre o mercado financeiro, você irá surpreender-se com as oportunidades.

Trabalhe em conjunto com criptomoedas e moedas convencionais e caso não esteja à vontade para fazer isso por conta própria contrate alguém para gerir o seu investimento.

Dica 12 – Não guarde as criptomoedas em casas de câmbio

Na dica 4 eu falo sobre simplesmente comprar e guardar bitcoins e outras criptomoedas.

A questão é que para guardar o ideal é não deixar em casas de câmbio que são locais para compra, venda e negociações.

Guarde suas criptomoedas em Paper Wallets (carteiras de papel), carteiras físicas como a Ledger ou outras maneiras mais seguras que venham a surgir.

Corretoras não passam de sites online que fogem do seu controle e podem passar por eventualidades, impedindo você de usar suas criptomoedas.

Dica 13 – Investir em sites de marketing multinível é um bom negócio ?

Sim, é um excelente negócio, o problema é que o conceito de marketing multinível foi deturpado por pessoas mal intencionadas.

O marketing multinível sempre entrou em confusão com pirâmides financeiras, mas isso não é de hoje.

Caso ainda não tenha visto meu post que trata sobre este assunto verifique clicando abaixo.

Bitcoin e Marketing Multinível Um Casamento Perigoso

Dica 15 – Ler, ler, ler e quando achar que leu muito, leia mais

Ler é o melhor negócio

Isso mesmo, estude, faça treinamentos online, pesquise e principalmente leia sobre o assunto.

Se deseja fazer deste mercado o seu meio de vida é importante estar atualizado.

É um mercado dinâmico e cheio de oportunidades, mas só é vencedor quem fica com os conhecimentos em dia.

Pesquise na internet, existem ebooks gratuitos para você baixar e livros sobre bitcoin e altcoin, e não fique preso(a) apenas a sua língua, o mercado é muito amplo

Conclusão sobre investir em criptomoedas

Este tema daria para criar um e-book, talvez em um futuro breve, mas a intenção aqui foi ser rápido.

Espero que este post colabore de alguma maneira com as suas decisões.

Aproveite para deixar seus comentários e compartilhe este post.

[grwebform url=”https://app.getresponse.com/view_webform_v2.js?u=S1Rum&webforms_id=11574901″ css=”on” center=”off” center_margin=”200″/]

Participe com seu comentário